música na gravidez

Cantar para o bebê que está na barriga, além de ser um gesto de carinho, pode ajudar a fortalecer o vínculo entre mãe e filho durante e após a gravidez

A gravidez é um período muito importante na vida da futura mamãe, do pai e do bebê que está para chegar, e muitos momentos dessa fase especial podem propiciar ainda mais o estreitamento das relações da família que está crescendo. Cantar para o bebê que está na barriga, por exemplo, é um deles.
Hábito muito comum que transcende épocas e está presente em praticamente todas as culturas, o gesto de cantar para o bebê durante a gravidez e após o nascimento da criança pode, inclusive, ser visto em pinturas antigas ou mesmo descrito em poesias. E, nos tempos atuais, são frequentes os relatos de mães e pais em relação aos benefícios desse ato, influenciando de forma positiva a gestante e o bebê ao produzir um efeito de relaxamento ou tranquilidade em ambos.
Alguns estudos demonstraram que a música quando ouvida pela gestante pode beneficiá-la, influenciando, por exemplo, na diminuição do estresse, da ansiedade, além de melhorar a qualidade do sono. Já quando a grávida canta para o bebê que está em formação em sua barriga, além presenteá-lo com o agradável tom de sua voz, ela reforça ainda mais o vínculo com seu filho.
 
O som ideal para o bebê
 
Os bebês já passam a reagir aos sons externos a partir da 21ª semana de gestação. E conforme a gestação avança, ele passa a ouvir melhor e é capaz de distinguir diferentes tipos de sons.
À medida que a gestação evolui, melhor se torna a capacidade de audição do futuro bebê. Por isso, mamães e papais podem usar bastante esse gesto para se aproximar dos filhos. E a escolha do estilo de música é livre, com exceção a sons de intensidades extremas, que não são recomendados. As canções devem ser gostosas e em um nível que seja agradável para a mamãe e não gere sensações ruins para o bebê.
Pensando nos benefícios de cantar para o bebê durante a gestação, recentemente Bepantol® Baby lançou uma campanha publicitária com a cantora Anna Ratto para apresentar o Bepantol® Baby Extra Proteção – feito para bebês de até 12 meses – e reforçar a importância desse gesto, que começa quando o bebê ainda está se formando no útero e deve seguir até os seus primeiros anos de vida.


Comentários
2 Comentários

2 Comentários

  1. Mi eu escuto música várias vezes ao longo do dia e a Mari adora, apostou desde a barriga rsrs

    ResponderExcluir
  2. Eu sempre cantei para o Gabriel e isso foi muito bom, ele adora ouvir músicas e que eu conte para ele até hoje.
    Beijos
    Mari
    Vamos Mamaes

    ResponderExcluir