Centro de diagnóstico medicina fetal


O local contará com equipamentos de última geração, profissionais renomados e serviços de diversas especialidades como medicina fetal, cardiologia fetal, gestação de risco e uro-ginecologia



O Hospital e Maternidade Santa Joana inaugurará em 2017, o Centro de Diagnóstico e Medicina Fetal, que tem como objetivo diagnosticar e tratar diversas doenças relacionadas à saúde da mulher e do recém-nascido. O local contará com equipamentos de última geração, profissionais renomados e serviços de diversas especialidades como medicina fetal, cardiologia fetal, gestação de risco e uro-ginecologia.


O novo Centro funciona como uma ampliação dos serviços já oferecidos pelo Hospital e Maternidade Santa Joana e contemplará aconselhamento genético, coleta de material para exames que detectam problemas no feto, exame de cardiologiologia fetal, ultrassons que devem ser realizados em todas as fases da gestação, entre outros. O serviço promove o diagnóstico precoce para evitar complicações e melhorar a qualidade de vida da gestante e do bebê.

Segundo o diretor geral do Grupo Santa Joana, dr. Marco Antônio Zaccarelli, esta ampliação é uma grande conquista. “Vemos a especialização da obstetrícia voltada para as gestações de alto risco como algo essencial nos dias de hoje. Vamos ampliar nossa expertise, pois sabemos que identificar precocemente problemas e estabelecer o tratamento adequado o mais cedo possível é a melhor forma de manter a saúde da mãe e do bebê”, conta.

Um dos exames importantes nesta área é o de ecocardiografia fetal, conhecido como exame cardiológico em fetos, que é preventivo e pode detectar doenças cardíacas nos bebês antes deles nascerem. Agregado a este serviço, o Centro também terá uma área de cardiologia fetal, que poderá orientar os pais neste sentido.

Uma das novidades do Centro de Diagnóstico é o Ambulatório de Gestação de Alto Risco, que tem como objetivo ser um apoio para o médico e a gestante com patologias associadas à gravidez de alto risco, como pré-eclâmpsia, diabete gestacional, trombose venosa, entre outras.

O serviço de uroginecologia também é outra novidade do Centro e contará com equipamentos de última geração como estudo urodinâmico, ultrassom 3D do assoalho pélvico, além de consultas, diagnóstico com laudo e centro cirúrgico. Trata-se de uma especialidade da ginecologia que aborda distúrbios como as incontinências urinária e fecal.
As mulheres que apresentam sintomas de disfunção do assoalho pélvico, como incontinência urinária e cistocele, por exemplo, são examinadas e saem com o diagnóstico do Centro. Caso seja constatado, poderá optar pelo tratamento na instituição. Em sua maior parte, o tratamento é cirúrgico e conta com o auxílio de fisioterapia dentro do Centro.

Sobre o Grupo Santa Joana:

O Grupo Santa Joana administra as Maternidades Santa Joana e Pro Matre Paulista, em São Paulo, e as unidades de Laranjeiras e Barra da Tijuca da Maternidade Perinatal, no Rio de Janeiro. Considerado o maior grupo privado de maternidades da América Latina, o Santa Joana ainda contempla dois grandes Centros de Imunização e é a instituição líder no ranking nacional de maternidades, além de ser a única com parceria em estudos científicos com renomadas universidades como Stanford e Harvard. A união das maternidades do Grupo Santa Joana proporciona a troca de experiência, conhecimento e tecnologia, originando uma instituição de referência internacional em obstetrícia, ginecologia e neonatologia


Comentários
4 Comentários

4 Comentários

  1. Uau um serviço que só tende a agregar para o hospital e para quem procura seus serviços!

    ResponderExcluir
  2. Ótima notícia! Muito bom ter toda essa tecnologia e acompanhamento.
    beijos
    Chris

    ResponderExcluir
  3. Tecnologia e um bom acompanhamento nos traz paz e segurança neste momento de tanta fragilidade e ansiedade.
    supersimpatiasdeamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Mi esse hospital é referência. A UTI neonatal é uma das melhores.

    ResponderExcluir